VOCÊ NÃO PODE TUDO!

 

Ao entrar em qualquer livraria, se você prestar atenção, vai constatar prateleiras ou mesas inteiras de livros de autoajuda; alguns autores, inclusive, os escrevem em série. Os títulos são os mais variados possíveis e englobam orientações sobre a vida amorosa, sexual, financeira, familiar e social. Tenho a certeza de que eles têm servido de apoio e ajuda a muitas pessoas, porém considero que alguns autores, por exagerarem nos argumentos positivando em demasia as possibilidades do poder pessoal, acabam prejudicando os resultados e até mesmo gerando frustrações. Assim, ter sucesso, fazer amigos, ficar rico, conquistar um namorado, manter o interesse sexual do parceiro, encantar os outros… não depende só de cada um de nós, o outro também tem que estar disponível. Certo?

O que nós lemos, vemos, aprendemos, pensamos e cremos interfere em nossos processos mentais e cerebrais. Nossa mente é muito poderosa, nenhum caminho escapa da passagem pelo cérebro. Então, expectativas positivas, acreditar que você pode conseguir o que você deseja e investir nisso tem enorme influência sobre o seu sucesso, o mesmo ocorre com os pensamentos negativos, pois ficar mentalizando que não vai dar certo, que você não vai conseguir e que você não tem sorte potencializam o seu fracasso. Nós somos o que nós pensamos e, mesmo que tentemos disfarçar para enganar aos outros ou talvez até mesmo nos enganar, vem o pensamento e denuncia as nossas imperfeições.

NOSSO JEITO DE SER

A forma como a pessoa é educada, suas experiências de vida e características de personalidade determinam a sua ligação com o mundo. Quem cresceu sendo incentivado a encarar o novo, a não desistir diante das circunstâncias negativas da vida; quem aprendeu que os fracassos também fazem parte do cotidiano, que o fim é sempre o início de uma nova etapa, que não se deve ter compromisso com o erro e que a vida nos oferece infinitas possibilidades, por certo, vai perceber que querer nem sempre é poder, mas que é preciso investir energia para que os desejos aconteçam.

Se a acreditamos que podemos tudo, que é só acreditar e investir tempo, energia e dinheiro para que as coisas aconteçam e, de repente, o desejado não acontece ou não ocorre do jeito que foi sonhado, muito provavelmente vamos assumir e viver uma culpa imensa por termos falhado e nos sentiremos culpados e fracassados. Aprender com os erros é necessário para que nos movimentemos na vida:  ficar fixado na culpa nos impede de seguir em frente.

                        TENTAR FAZER MAIS

A vida não dá certezas para ninguém. Não podemos tudo, não conseguimos tudo, mas podemos tentar fazer um pouco mais, sempre que necessário e possível. Muitas vezes, nem sabemos o quanto vamos conseguir e até podemos nos surpreender com os resultados alcançados, mas só conseguiremos se tentarmos. Invista carinhosamente em você, no seu potencial de produzir e viver o prazer, a alegria, a paz e a felicidade.

Cada vez há mais certezas quanto à influência do psiquismo sobre todos os acontecimentos da nossa vida, por isso é preciso cuidar do corpo e da mente. A vida é feita de possibilidades, de descobertas e de encontros e se há algo que tem o poder de transformar a nossa vida é o encontro, com o outro e consigo mesmo. Assim, fazer o bem é o melhor e menor caminho para se viver melhor. Exercite a generosidade, a caridade e o amor com as outras pessoas e com você mesma. E quanto ao poder, é sempre bom lembrar que não podemos tudo, mas podemos testar os nossos limites e ir além…

Post Tagged with

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.