SEJA RESILIENTE E EXERCITE A PRONTIDÃO.

Resiliência e prontidão são dois conceitos muito importantes, no mundo moderno, por serem agentes propulsores de qualidade de vida, saúde e sucesso. Talvez esses termos sejam desconhecidos para alguns de vocês, então vamos começar falando da resiliência: Esse termo é originário da física e significa “a capacidade que os corpos têm de voltar à sua forma e estado originais depois de serem submetidos a um grande esforço ou pressão externa”; a psicologia tomou o termo emprestado para indicar a capacidade de uma pessoa em superar dificuldades, perdas, mudanças significativas e forte estresse na vida.

Resiliência é a arte da superação! Lidar com as circunstâncias desfavoráveis da vida, com os desafios e com as inúmeras cobranças sociais tem sido uma tarefa árdua para muitas pessoas. Fé, esperança e otimismo precisam vir acompanhados de atitudes, senão nada acontece; precisamos ter uma leitura adequada da realidade, ter pensamentos que nos mobilizem para ações e criar possibilidades para que mudanças aconteçam na nossa vida.

Lidar com mudanças nos permitem sempre o aprendizado de novas formas de enfrentamento e de superação. Se você cair, precisa arrumar forças para se levantar! Os versos da canção do Paulo Vanzoline são uma forma poética de nos ensinar o movimento da vida – “Reconhece a queda e não desanima. Levanta sacode a poeira, dá a volta por cima”. Precisamos nos empenhar em transformar experiências em aprendizados e não ficarmos presos a fatos acontecidos no passado que não podem ser mudados, mas podem ser resignificados.

Já a prontidão, significa a agilidade e a boa vontade para fazer o que precisa ser feito, sem demora. A prontidão por ser um marcador de superação, aciona o sistema de recompensa do cérebro que provoca a sensação de prazer ou de satisfação ocasionada pela tarefa cumprida, pelo objetivo alcançado ou pelo obstáculo transposto.  As pessoas que têm uma boa autoestima não procrastinam, pois possuem uma crença positiva acerca delas mesmas e acreditam na sua capacidade de realizar coisas.

As pessoas resilientes e com prontidão têm um controle maior sobre as suas vidas, são mais dispostas a criar, a enfrentar o novo, a assumir riscos e a superar dificuldades acontecidas no passado. E veja bem, ser resiliente não significa fazer de conta que não aconteceu o que de fato aconteceu e muito menos esquecer fracassos e dificuldades já acontecidas; muito pelo contrário, é preciso lembrar-se do acontecido e mobilizar energias para fazer diferente.

Muito mais importante do que o fato acontecido é a forma como lidamos com o que aconteceu. É necessário ter uma boa percepção de nós mesmos, sabermos lidar com nossas limitações e facilidades e não assumir uma postura de vítima e de fracassado diante da vida. Mesmo nos momentos de muita dificuldade se arme de fé e coragem e invista em você e na sua capacidade de superação. Tente fazer tudo de novo, quantas vezes for preciso, mas faça de forma diferente e acredite que este é o caminho para você conseguir resultados positivos e ficar em paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.