PROFUNDA SIMPLICIDADE!

 

 

Nunca se falou tanto em qualidade de vida, saúde e bem estar como atualmente. Esses assuntos são temas frequentes em revistas, programas de televisão e nas redes sociais há sempre postagens sobre receitas alimentares e atitudes que nos mobilizem no rumo de modificar hábitos em prol de conquistar uma vida mais saudável, afinal de contas pesquisas comprovam que isso aumenta em 30% a expectativa de vida. Ter cuidados com o sono, com a alimentação e exercitar o corpo todo mundo já sabe que faz bem, talvez o que algumas pessoas precisem aprender e incorporar aos seus hábitos cotidianos é a prática da simplicidade.

Existem diversas maneiras de  deixar a vida mais simples e isso inclui investir em relações estáveis e prazerosas; priorizar mais as necessidades do que os desejos consumistas; praticar o desapego; na medida do possível, libertar-se das amarras das obrigações; ter um tempo livre para fazer o que quiser ou para não fazer nada; estreitar relacionamentos com pessoas que acrescentem valor a sua vida; valorizar o seu trabalho; praticar a delicadeza e a generosidade; dançar; cantar… Qualquer pessoa seria capaz de fazer uma lista imensa de coisas que lhe faria feliz e inundaria a sua vida de alegria e tranquilidade, mas então por que não faz?

Antes de tudo, você precisa se convencer de que viver bem dá trabalho, exige investimento de tempo e energia,  portanto não é tarefa para preguiçoso. Tem gente que é extremamente otimista e acha que isso vai lhe garantir viver bem e ser feliz, ledo engano! Ter uma visão positiva de você, das suas habilidades e potencialidades ajuda muito, mas o que faz a vida acontecer são as atitudes – na verdade, as pessoas que têm uma visão muito positiva do mundo tendem a subestimar riscos e dificuldades, enquanto que as muito negativas superestimam qualquer circunstância desfavorável. Assim, ser realista e acreditar na sua capacidade de criar novas possibilidades na vida continuam sendo o melhor caminho para você viver bem e em paz.

Diariamente, independente da nossa vontade, nós nos defrontamos com as circunstâncias da vida e se acreditarmos que as dificuldades e problemas nos ajudarão a amadurecer, a desenvolver a autoestima e a ter mais tolerância às frustrações, com certeza, tudo o que acontecer será vivido com menos dificuldades por nós; em contra partida, se nos deixarmos dominar pelo medo, pela raiva e pelo sentimento de impossibilidade isso vai afetar nossa capacidade de pensar e de tomar decisões. “Eu sou eu e minhas circunstâncias e se não as preservo não posso preservar a mim mesmo” (Ortega Y Gasset).

O critério de prazer e felicidade é muito pessoal. Aproveitar o final de semana e ficar em casa morgando, jogado na cama, assistindo TV, comendo e dormindo pode ser muito gostoso para alguns, enquanto que para outras pessoas essa folga pode representar a oportunidade esperada para bater perna, ruar, reunir os amigos e sair na noite. Escolha o que seja mais gratificante e prazeroso para você fazer no seu tempo livre e vá à luta! Ah, se você tiver um companheiro ou filhos, você vai precisar negociar com eles o que vão fazer, mas sempre reserve um tempo para ser você e viver seus desejos, isso é impagável.

A cada dia que passa me convenço mais que as circunstâncias tem a capacidade de mudar o rumo da vida da gente, e pode ser para melhor. A todo instante a vida se transforma e precisamos estar atentos para que não nos percamos de nós mesmos e nem que nos desencontremos das pessoas que sejam importantes para nós. Viver a profunda simplicidade é acima de tudo saber estabelecer valores para as coisas (ter) e validar pessoas (o ser). Se empenhar em viver bem é excitante, se apresse!

 

Post Tagged with

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.