ENFEITE SEU INTERIOR

 

No Natal os lugares ficam mais bonitos! O colorido vibrante do vermelho, do verde e do dourado se espalham pelos espaços; as músicas são sempre as mesmas e se repetem em todos os cantos, nos dando a impressão de que ou a gente parou no tempo ou que os natais se repetem sempre da mesma forma. Assim, montar a árvore de natal, enfeitar a casa, providenciar a ceia, sortear o amigo invisível, comprar presentes, reunir os parentes e amigos para confraternizar, voltar a reunir a família no almoço do dia seguinte, não é isso o que você faz todo ano? Não é assim que as coisas funcionam na sua família?

Pois é, a grande diferença deste Natal, por certo, está ocorrendo em função dos cortes e das restrições provocadas pela crise; mas, se há mais de 1600 anos, no dia 25 de dezembro, no mundo inteiro os cristãos comemoram o nascimento de Jesus Cristo, por que a figura do menino Jesus vem sendo cada vez mais substituída pela do Papai Noel? Por que os reis magos, Maria e José foram trocados por duendes, trenós, renas e bonecos de neve? Onde foram parar a manjedoura e os animais do estábulo? E o Mickey e a Minnie, por que passaram a fazer parte da configuração dos arranjos natalinos?

A verdade é que, a cada ano que passa, o Natal tem se transformado numa festa comercial. Assim, arrumar a casa, reunir os amigos, trocar presentes, tudo isso é muito bom e faz parte do ritual natalino, porém, imagine o que aconteceria caso você “enfeitasse a árvore de sua vida com guirlandas de gratidão! Colocasse no coração laços de cetim rosa, amarelo, azul, carmim. Decorasse seu olhar com luzes brilhantes estendendo as cores em seu semblante”, isso faria muita diferença?

Então, se você não quer fazer do seu Natal um momento apenas comercial, faça a diferença e “em sua lista de presentes em cada caixinha embrulhe um pedacinho de amor, carinho, ternura, reconciliação, perdão”. O que aconteceria ao seu redor, será que as pessoas ficariam mais amáveis e felizes? Será que elas se sentiriam reconhecidas e validadas como alguém importante na sua vida? E se você reunisse a família e os amigos e se mobilizassem em prol de uma entidade carente de bens materiais, carinho, colo e aconchego. Isso faria a diferença na vida dessas pessoas e na de vocês também?

Acho interessante nós refletirmos sobre qual significado o Natal tem para cada um de nós! O apelo ao consumo está em toda parte e é por isso que a figura do Papai Noel há muito vem sendo colocada em primeiro plano, com seu saco de presentes sempre cheio; mas precisamos resgatar a imagem do aniversariante, a do menino Jesus, e eu acredito que o melhor presente para ele seria ajudarmos os que mais precisam de ajuda e acolhimento. Vamos também continuar presenteando nossos filhos, parentes e amigos, porém vamos transformar esse momento em um partilhar de afetos e de amor.

E se ainda vocês não fizeram neste ano, podem se programar para que no próximo, vocês acolham uma instituição que cuide dos mais necessitados e desprotegidos. Ajudá-los materialmente é importante, mas faça mais do que isso, dedique um pouco do seu tempo e muito do seu afeto para fazer a diferença na vida dessas pessoas, afinal de contas, “tem presente de montão no estoque do coração e não custa um tostão! A hora é agora! Enfeite seu interior! Sejas diferente! Sejas reluzente”! Feliz Natal! Feliz vida para todos nós!

PS: os trechos citados no texto são de Cora Coralina, em Poesia de Natal.

 

 

Post Tagged with

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.