• ELE ME PEDIU UM TEMPO!

     

    Ouvir do seu parceiro amoroso “eu preciso de um tempo” não é nada fácil, especialmente se você foi pega de surpresa e não esperava por isso. Ao pedir um tempo, ele deixa bem claro que, no mínimo, está confuso, precisa ficar só para pensar, para saber o que quer para vida e, em última instância, se ainda há espaço e desejo para te incluir na vida dele. Talvez, neste momento as suas fichas comecem a cair e você passe a enxergar o que não queria ver antes: ele andava estranho, não se mostrava mais tão interessado…

    A certeza de que ele tem outra surge como um vaticínio na sua cabeça, mesmo que ele não admita isso. Veja bem, embora seja pouco provável, pode ser que ele realmente esteja muito confuso, muito insatisfeito com a relação, haja vista que ele verbalizava ou demostrava isso com o seu desinteresse, raiva ou ausência e aí, talvez, ele esteja precisando de um tempo para pensar – “Estou tirando férias, dando um tempo disso, chega de amar, chega de me doar, chega de me doer… Pelo menos por enquanto” (Caio Fernando Abreu).

    Se o seu parceiro te pedir um tempo, você vai ter que lidar com isso de alguma forma. Cada um de nós reage do jeito que dá conta e, se você avaliar que ele está sendo verdadeiro e que há chance dele refletir, reavaliar e perceber que vocês precisam repactuar algumas coisas para poder seguir em frente, aceite este pedido de tempo e também, faça proveito dele. Passados uns dias, com mais serenidade, vocês conversam e tentam resolver os conflitos e as circunstâncias desfavoráveis da vida de vocês. Para dar certo, é preciso o comprometimento de ambos com as mudanças necessárias à saúde da relação.

    Contudo, é preciso estabelecer regras para este período em que vocês se manterão afastados, tais como: inicialmente, por quanto tempo vocês se manterão distantes? Vocês manterão a fidelidade ou estão livres para conhecer outras pessoas? Vocês vão ter contato durante esse período? Vai se tornar pública a situação de vocês (vão mudar o status nas redes sociais)? É preciso ficar claro que apesar de vocês estarem concordando com esse tempo, esta é uma necessidade dele, mas que você também vai reavaliar seus sentimentos e interesses e que ele não demore a se decidir, porque o risco dele te perder também existe.

    Agora, se você perceber que o pedido de tempo é só uma desculpa a fim de protelar o término, para ele não demonstrar descaso com você ou se proteger socialmente (isto acontece, principalmente, nos relacionamentos longos), segure sua dor e proponha você o término. Se não aconteceu um fato novo que justifique este pedido ou se não está acontecendo uma repetição de fatos desagradáveis que esteja interferindo na vida de vocês, o mais provável é ele querer terminar sim e, muito, possivelmente, já está, no mínimo, interessado em outra pessoa.

    Em qualquer circunstância, acolha sua dor, viva seu luto, busque o colo e a companhia das amigas, não fique correndo atrás dele, e use o tempo a seu favor, com coisas que te deixem bem. No mais, aceita que dói menos, como sabiamente dizem os adolescentes.

     

     

    Post Tagged with

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *